Máscaras anticovid da Fábrica Social JB são destaque na grande mídia

Reunião MCJB e presidência BRB - 001 - 18-09-20
Jardim Botânico busca BRB para financiamento que viabilize a regularização dos condomínios
setembro 19, 2020
MCJB convida: Encontro on-line com a SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO URBANO E HABITAÇÃO
setembro 25, 2020

Máscaras anticovid da Fábrica Social JB são destaque na grande mídia

Da Redação do MCJB – 20/09/2020

As máscaras com tecido antiviral e antibactericida começaram a ser produzidas pela Fábrica Social JB no início de agosto e  foram destaque na Globo. Tecido tem eficácia de eliminação do vírus comprovada de 99,9%.

Clique na imagem abaixo para assistir a matéria da Globo sobre as máscaras anticovid:

Matéria jornalística do programa jornalístico da Rede Globo, sobre as máscaras com tecido antiviral e antibactericida produzidos na Fábrica Social JB, exibida em 07/08/2020
As máscaras, chamadas ANTICOVID, começaram a ser fabricadas no início de agosto pelas costureiras da Fábrica Social JB, projeto social do MCJB e se tornaram um sucesso! “Depois da matéria da Globo, recebemos pedidos que totalizaram 40 mil máscaras em uma semana. Trabalhamos dobrado, mas conseguimos entregar tudo. Com a chegada de mais tecido, nossa produção está acelerada e estamos conseguindo entregar nossas encomendas bem mais rápido, já temos até alguns modelos de pronta entrega”, explicou Ana Luisa, coordenadora da Fábrica Social JB.
Clique aqui para encomendar suas máscaras anticovid na Fábrica Social Jardim Botânico
As máscaras tiveram grande procura depois que o fabricante de tecidos confirmou a eficiência contra os chamados vírus envelopados (a mesma categoria do coronavírus) e os vírus não-envelopados. O tecido é coberto por nanopartículas estabilizadas por uma superfície protetora que bloqueia o crescimento e a propagação do vírus na malha, impedindo a propagação também de bactérias. Reduz o risco de contaminação e a velocidade de disseminação do vírus.

A tecnologia aplicada no tecido foi desenvolvida de acordo com normas técnicas rígidas – como a ISO 18184, para a redução dos vírus, e a AATCC 100 para redução de bactérias. Em outras palavras, uma forte aliada no combate ao novo coronavírus que provocou a pandemia.

As máscaras são laváveis e a fabricante do tecido recomenda utilização máxima de 8 hs diárias. A higienização após uso deve ser feita apenas com sabão neutro (NÃO PODE PASSAR A FERRO NEM USAR ALVEJANTE!). A eficácia de 99,9% da malha é garantida por até 20 lavagens, podendo chegar até 40 lavagens se for lavada corretamente.

Matéria jornalística do programa jornalístico da Rede Globo, sobre as máscaras com tecido antiviral e antibactericida produzidos na Fábrica Social JB, exibida em 07/08/2020
Seguindo recomendação do Ministério da Saúde, a utilização das máscaras devem ser combinadas com medidas preventivas adicionais, que SÃO ABSOLUTAMENTE NECESSÁRIAS, como higienizar as mãos e adotar as medidas de higiene respiratória/etiqueta da tosse: se tossir ou espirrar, cobrir o nariz e a boca com cotovelo flexionado ou lenço de papel; utilizar lenço de papel descartável para higiene nasal (descartar imediatamente após o uso e realizar a higiene das mãos); evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca e realizar a higiene das mãos com água e sabonete ou preparação alcoólica a 70%.

Máscara anticovid da Fábrica Social Jardim Botânico

Deixe uma resposta