Da Redação do MCJB – 30/01/2017

A obra foi suspensa pelo IBRAM no início de 2016 e ficou paralisada por quase um ano. Agora, depois de mais de sete anos do início da duplicação, DER promete entregar pista para população.

A DF-463 é considerada a principal via de saída de São Sebastião (clique aqui para ver no mapa), mas também atende parte dos moradores do Jardim Botânico, especificamente do Jardim Botânico 3 e do Jardins Mangueiral. É uma pista de mão dupla, com asfalto precário, convivendo diariamente com acidentes, batidas frontais e atropelamentos, causados pelo grande tráfego de veículos.df 463 3

 

A obra foi iniciada no governo Arruda e deveria terminar em 2015, mas foi embargada no início de 2016 pelo IBRAM, que sinalizou falha no projeto de captação e escoamento de águas pluviais. À época da interrupção, o diretor do DER, Henrique Luduvice, falando ao Portal do MCJB, atribuiu o atraso na entrega às constantes interrupções devidas as falhas no projeto original da pista, como a drenagem de águas. “Não era um problema do DER e sim do projeto de drenagem do Jardins Mangueiral”, afirmou . O IBRAM exigiu uma adequação ao projeto para liberar a licença ambiental definitiva e a obra de reparo na drenagem só pode ser realizada em janeiro deste ano, com a instalação de bueiros por baixo da rodovia, integrando a rede de águas pluviais do Mangueiral à do Jardim Botânico 3, setores residenciais que beiram a pista, em lados opostos.

acidente df 463 março 16

Acidente na DF-463 ocorrido em 2016

Com a conclusão das obras de drenagem e a liberação do IBRAM, depois de mais de sete anos de obra, o DER promete entregar a obra de duplicação da DF-463 em março. Segundo o departamento de comunicação do DER são 3,9 quilômetros duplicados que serão entregues à população.

 

O DER promete, também, em uma segunda etapa do projeto, recuperar o asfalto antigo, que será totalmente refeito, mas ainda sem data de início. A pista ampliada desafogará o tráfego, principalmente nos horários de pico. Com o caixa do GDF em baixa, o DER solicitou empréstimo para concluir esta obra. O valor da duplicação teve um orçamento de 6,7 milhões de reais e estava prevista para terminar em outubro de 2015.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *